Enem 2018: filósofo Bauman pode ser citado na Redação; veja como

Dica por: Ana Leda Santos, professora de Redação do Século Colégio e Curso

Como usar Zygmunt Bauman na sua redação e nutrir a normatividade do texto dissertativo – argumentativo?

De acordo com Zygmunt Bauman, as sociedades se afastaram da primeira fase da modernidade, a qual chamou de “modernidade sólida”, e agora se encontra na “modernidade líquida”. Esse novo período é, para o sociólogo,marcado pela incerteza e pela mudança. O termo líquido é uma metáfora da vida contemporânea: ela é móvel, fluída e difícil de conter. ” Numa vida líquida moderna, não há laços permanentes, e caso tenha algum… deve ser frouxo para que possa ser desfeito… quando as circunstâncias mudam” conforme o sociólogo.

Na redação, você pode usar a ideia de Bauman para dar suporte a um de seus argumentos em temas relacionados à depressão , ao suicídio, às crises econômicas e políticas, entre outros.

>>> De olho na vaga: veja todas as dicas do Século Colégio e Curso para a prova do Enem 2018

Veja o exemplo abaixo:

Tema: O aumento do suicídio no Brasil

O caos da vida contemporânea tem aberto, cada vez mais, espaço para o suicídio entre jovens no Brasil e no Mundo. Segundo o sociólogo Zygmunt Bauman,o individuo vive, atualmente, em uma sociedade onde as incertezas prevalecem. Essa nova modernidade, a qual ele chamou de “Modernidade líquida”, tirou do ser humano as certezas quanto ao emprego , educação e bem – estar social. Diante disso, percebe – se que as crises são constantes na atualidade, o que leva muitos indivíduos a terem problemas com a sua saúde mental, um dos principais fatores que ocasiona o suicídio.