Abin é autorizada a fazer concurso público com 300 vagas

 

O Diário Oficial da União (DOU) desta segunda-feira (17) trouxe a autorização para a realização de concurso público para a Agência Brasileira de Inteligência (Abin). De acordo com o Decreto o órgão deve publicar o edital do certame em até seis meses. o concurso vai disponibilizar 300 vagas em cargos cuja remuneração pode chegar a R$ 16.620,46.

O concurso busca preencher 220 vagas no cargo de Oficil de Inteligência, 60 de Oficial Técnico de Inteligência e 20 de Agente de Inteligência, totalizando 300 cargos para o órgão.

A remuneração inicial para o cargo de Oficial de Inteligência, de nível superior de escolaridade, é de R$ 16.620,46; do Oficial Técnico de Inteligência, também cargo de nível superior, é de R$ 15.312,74; e a remuneração inicial do cargo de Agente de Inteligência, de nível intermediário de escolaridade, é de R$ 6.302,23.

Abin

De acordo com o Plano de Carreiras e Cargos da Abin (Lei nº 11.776/2008) o cargo Oficial de Inteligência requer nível superior do candidato. E tem entre as suas atribuições planejar, executar coordenar, supervisionar e controlar a produção de conhecimentos de inteligência, as ações de salvaguarda de assuntos sensíveis, a operações de inteligência, as atividades de pesquisa e desenvolvimento cintífico ou tecnológico direcionadas à obtenção e à análise de dados e a à segurança da informação e o desenvolvimento de recursos humanos para a atividade de inteligência. E por fim deve ainda desenvolver e operar máquinas, veículos, aparelhos, dispositivos, instrumentos, equipamentos e sistemas necessários à atividade de inteligência.

O Plano de Carreiras diz que as atribuições do cargo de Agente de Inteligência é oferecer suporte especializado às atividades decorrentes das atribuições do cargo de Oficial de Inteligência.

Para o cargo de oficial Técnico de Inteligência, a lei traz as seguintes atribuições: planejar, executar, coordenar, supervisionar e controlar as atividades de gestão técnico-administrativas, suporte e apoio logístico para a produção de conhecimentos de inteligência. para as ações de salvaguarda de assuntos sensíveis, para as operações de inteligência, para as atividades de pesquisa e desenvolvimento científico ou tecnológico, direcionadas à obtenção e análise de dados e à segurança da informação e para a atividades de construção e manutenção de prédios e outras instalações. E ainda “desenvolver recursos humanos para a gestão técnico-administrativa e apoio logístico da atividade de inteligência e desenvolver e operar máquinas, veículos, aparelhos, dispositivos, instrumentos, equipamentos e sistemas necessários às atividades técnico-administrativas e de apoio logístico da atividade de inteligência”, afirma.

Concurso

A lei sobre as Carreiras na Abin também traz como pode ser a realização do concurso. A primeira etapa, de caráter eliminatório e classificatório, será de provas objetivas e discursivas de conhecimentos gerais e específicos. A segunda etapa pode ser de procedimento de investigação social, avaliação médica, avaliação psicológica e prova de capacidade física. A terceira etapa, de caráter eliminatório e classificatório, consistirá na realização de um curso de formação, com duração e regras gerais definidas em ato do Diretor-Geral da Abin. Ainda há possibilidade de realização de uma avaliação de títulos, com caráter classificatório.