IBGE firma contrato com a FGV para organizar processo seletivo

Foi confirmado nesta quinta-feira (30) que a Fundação Getúlio Vargas será a responsável pela organização do processo seletivo simplificado do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. O certame selecionará 26.440 candidatos para a realização do Censo Agropecuário.

A expectativa é que o edital da processo seletivo seja divulgado no mês de abril. As vagas são para cargos de nível médio e superior. A remuneração pode chegar a R$ 7.624,00.

Processo seletivo simplificado

As contratações serão feitas através de processo seletivo simplificado, e a duração dos contratos é de até um ano, havendo a possibilidade de ser prorrogado por até o limite máximo de três anos.

Foram autorizadas a contratação de 26.440 pessoas para preencher vagas em todo o Brasil. Destas vagas 266 são destinadas para o cargo de analista censitário, 375 para agente censitário regional, 381 para agente censitário administrativo, 1.285 para agente censitário municipal, 4.946 para agente censitário supervisor, 174 para agente censitário de informática e por fim, 19.013 para a função de recenseador.

Segundo a tabela vigente de remunerações do IBGE, o analista censitário, cargo de nível superior, tem vencimentos de R$ 7.624,00. Os demais cargos de nível médio completo – agente censitário regional, agente censitário administrativo, agente censitário municipal, agente censitário de informática e agente censitário supervisor, terão remunerações entre R$ 2.100,00 e R$ 3.520,00. Já a função de recenseador tem requisito de ensino fundamental completo e os salários são variáveis de acordo com o número de domicílios pesquisados, partindo de R$ 1.400,00.