Abertas as inscrições para o CFO dos Bombeiros; salários chegam a R$ 5,9 mil

cfo_bombeirosEstão abertas as inscrições para o Curso de Formação de Oficiais (CFO BM) 2017 do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba. O edital prevê o preenchimento de oito vagas. As inscrições seguem até às 9h do dia 21 de setembro e poderão ser feitas no site dos Bombeiros. A publicação do edital foi feita no Diário Oficial da União (DOU) do último sábado (13).

Conforme o documento, para participar das etapas complementares relativos ao CFO, o candidato deve estar obrigatoriamente inscrito para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2016) e efetuar pagamento da taxa de inscrição,que custa R$ 50.

A isenção do pagamento da taxa de inscrição poderá ser solicitada, no período de 17 a 24 de agosto de 2016, pelos doadores de sangue na Rede Hospitalar Pública ou conveniada ao Sistema Único de Saúde (SUS) na Paraíba, devendo estes preencher os requisitos exigidos em edital.

Como fase intelectual do concurso serão utilizadas as notas do Enem 2016, a ser realizado pelo Instituto Nacional de Estudo e Pesquisas Educacionais Anísio Texeira (Inep) nos dias 5 e 6 de novembro. Já os exames complementares, que compreendem as demais etapas do concurso, vão conter exames Psicológicos, de Saúde e de Aptidão Física – realizados apenas com os candidatos habilitados no exame intelectual.

O ingresso no Curso de Formação de Oficiais se dá na graduação de praça especial, como cadete. Ao término do curso, com aproveitamento, o concluinte é declarado aspirante a oficial Bombeiro Militar. Neste período, o salário varia de R$ 2.194,54 – no primeiro ano como cadete, a  R$ 4.760,19, quando da formação na academia.

Após estágio probatório, de no mínimo seis meses, o aspirante é promovido ao posto de 2º tenente – com remuneração de R$ 5.955,37 -, ingressando no Quadro de Oficiais Combatentes do Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba. Ao término do curso, o cadete do CFO que tiver a 1ª colocação no somatório das médias dos três anos do curso, será promovido ao posto de 2º tenente na data que for declarado aspirante a oficial, independente do estágio probatório.