Justiça determina a suspensão do concurso da prefeitura de Caaporã

justiça suspende concurso de caaporaJustiça suspende concurso da prefeitura de Caaporã. A decisão foi divulgada através de comunicado feito pela prefeitura em seu site na última sexta-feira (22). A razão da suspensão é o histórico de fraudes em concursos pela empresa organizadora, a Conpass, Concurso Público e Assessorias.

O concurso

Com 125 vagas, o concurso de Caaporã teve a sua prova aplicada no dia três de julho. Em 19 de julho foi divulgado o resultado preliminar das provas, e estava previsto para que o resultado oficial da seleção fosse divulgado nesta quarta-feira (27). Com cargos de ensino médio/técnico e de ensino superior, o concurso oferecia remuneração que variava entre R$880 e R$10mil.  E teve um total de 2.949 inscritos.

Conpass

A Conpass, empresa responsável pela organização do concurso está envolvida em diversos casos de fraude. De acordo com a nota a sua participação em concursos fraudulentos  é reconhecido em diversos municípios, entre eles: Princesa Isabel, Santa Luzia na Paraíba. Há indícios de frande em diversos outros municípios no Rio Grande do Norte e Pernambuco. Recentemente o Ministério Público recomendou a prefeitura de Junco do Seridó que fosse suspenso o seu concurso, que também era organizado pela Conpass, a razão, a mesma, a falta de credibilidade da empresa.

A decisão da suspensão do concurso ainda é liminar. E foi fundamentada na inidoneidade da organizadora e na existência de irregularidades e inobservância de requisitos legais para a realização do certame.

Ainda na nota, a prefeitura de Caaporã comunica aos candidatos inscritos no concurso público que, em cumprimento à decisão do juiz, suspendeu do certame e que aguardará a resolução da ação para a adoção das medidas que vierem a ser determinada pelo judiciário.